Varizes

Como tratar as varizes?

O que são varizes?!

Varizes são veias dilatadas, tortuosas, na maioria das vezes de coloração púrpuro-azulada podendo ser superficiais ou profundas. Geralmente as varizes tendem a aparecer em pernas e pés e de diversos tamanhos. O tamanho das varizes geralmente guia o tipo de tratamento e já é de conhecimento popular que varizes pequenas (vasinhos) são tratadas com aplicação e varizes grandes com cirurgias. No entanto, hoje em dias, disponibilizamos de diversos métodos para tratar as varizes, o que possibilita uma individualização da terapia e melhores resultados.

Mas, quando tratar as varizes?

O tratamento de varizes está indicado quando essas veias dilatadas geram queixas. Geralmente as varizes podem causar dores, inchaço e  peso nas pernas, além de queixas estéticas. E outra pergunta muito frequente: As varizes voltam? A resposta é: sim, elas voltam. Por isso é importante além do tratamento para retirada de varizes, cuidados gerais de saúde para evitar o aparecimento de novas varizes. Dentre esses cuidados os principais são: evitar uma vida de sedentarismo, com atividade física regular e evitar ganho de peso, o que gera uma sobrecarga no trabalho do sistema de drenagem do sangue da perna e aparecimento de varizes.

Como retiro minhas varizes nas pernas?

Vamos lá: De maneira geral podemos dividir o tratamento em duas modalidades: com aplicação (escleroterapia) e com cirurgia. Hoje disponibilizamos diversos métodos de escleroterapia, além de diversas modalidades de substâncias utilizadas na aplicação. A escleroterapia pode ser realizada de maneira convencional (líquida – com substancia que seca os vasinho), com líquido resfriado ou gelado (crioescleroterapia), com espuma densa (explicarei em outro artigo seu uso!!) e aplicação com laser. O que define o melhor tipo de tratamento é o tamanho dos vasinhos que serão tratados, os objetivos do tratamento (sintomático ou estético), tipos de cor de pele, dentre outros fatores.

E quanto a cirurgia de varizes? A cirurgia de varizes está reservada para varizes maiores onde o tratamento com aplicação não tem bom resultado ou em paciente com doença em veias superficiais não visíveis (como exemplo: a veia safena). E agora vem a boa notícia: Hoje disponibilizamos também de diversos métodos cirúrgicos para essas veias maiores, que vai desde o tratamento cirúrgico convencional com a retirada de varizes com micro-incisões, até uso de espuma densa (mais uma vez: explicaremos seu uso com novo artigo!!!), e o uso de tecnologias que permitem a ablação (cauterização, queimadura) da veia como o laser endovenoso e radiofrequência.

Você ainda tem dúvida sobre como acabar com as varizes: Tire suas dúvidas, deixe sua pergunta. E Agende uma consulta com o Cirurgião Vascular, só ele está apto para tratar as varizes de maneira individualizada e com melhores resultados.

Comentários
Dr. Davi Cazarim

Posted by Dr. Davi Cazarim